Fique de Olho Final.png
Noelly 1.png

Por que fazer uma tatuagem sobre a Diabetes?


Muita gente me pergunta se diabético pode fazer tatuagem. E a minha resposta sempre é: Se tiver controlado, porque não poderia?

Entendam que um diabetes controlado é um diabetes livre de complicações, incluindo a de cicatrização. Mas não estamos aqui hoje para falar de diabetes mal ou bem controlado. Estamos aqui para falar de algo que pode servir tanto como homenagem quanto um alerta: A tatuagem diabética!

A minha é essa daqui:


Créditos: Belle Maia Fotografia

Antes de fazer essa tatuagem eu pensei MUITO. Nunca tive medo de desmaiar na rua por conta de hipo ou hiperglicemias (até porque nunca desmaiei na vida por nada), mas o meu grande medo mesmo é de sofrer algum tipo de acidente (ser atropelada, acidente de carro, etc), ficar inconsciente e quando me levarem ao hospital, me darem soro glicosado.

O verdadeiro motivo de eu ter feito a minha tatuagem de identificação foi esse: evitar problemas! É por esse motivo que escolhi esse lugar: perto da veia para colocar o soro... aviso logo ao enfermeiro pra ter cuidado comigo porque sou doce! Coloquei também o meu tipo sanguíneo pra não ter erro.

Escolhi o tatuador e marquei o dia. Era pra ser apenas as partes escritas, sem o azul e o borrado de tinta, mas na hora fiquei tão empolgada que me deixei levar pelo tatuador. Ele veio com uma proposta super tentadora: ''vamos colocar uma cor aí... vamos homenagear esse seu controle'' (baixei a glicada pra 6,8 pra poder fazer a tatuagem. Antes ficava por volta de 7 a 7,5). Ele pingou uma gota de aquarela azul num papel e mandou eu assoprar. O meu ''sopro de vida'' resultou nesse desenho aí, que achei a coisa mais linda e significativa que poderia fazer. Resultado? Tá aí na pele!

A tatuagem foi feita em 2 horas e foi praticamente indolor (juro!!), exceto pela parte perto da dobra do braço... ali doeu bastante. A minha cicatrização foi considerada normal. Em alguns dias já estava criando casquinha e em 1 mês estava completamente cicatrizada (resultado de uma glicemia impecável para evitar problemas). As minhas próximas tatuagens serão maiores e mais coloridas (amo cor!), mas não terão a ver com diabetes. Só falta a grana pra fazer, porque vontade não me falta hehehe

E ai? Vai fazer a sua? Separei algumas tatuagens dos meus leitores para você se inspirar:

#diabetes #diabetestipo1 #diabetescontrolado

707 visualizações

Bia é empresária, formada em Relações Públicas, estuda Biomedicina e convive com diabetes tipo 1 desde os 6 anos. Em 2015, criou o Biabética para incentivar pessoas com diabetes a verem a vida doce de forma mais leve e positiva.

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento.

Nosso conteúdo serve para seu conhecimento e informação. Em caso de dúvida, procure sempre um médico para orientação.
 

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram