f7afb2e656d376975aeaf25bb615335c03531317

Telemedicina na quarentena: Dicas de profissionais e plataformas


O Covid-19, novo coronavírus, sem dúvida está fazendo com que nós tenhamos que nos adaptar a uma nova realidade, não é mesmo? Não está sendo fácil, mas existem algumas tecnologias que podem nos ajudar nesse momento complicado e diferente que estamos passando. Um exemplo é a chamada Telemedicina, que há algum tempo já vem sendo bastante usada e que ganhou ainda mais força diante do cenário atual de pandemia, readequando os atendimentos médicos.


Você já ouviu falar em Telemedicina? Vem com a gente aprender sobre o que se trata e como ela pode ser usada como uma verdadeira aliada nessa fase de isolamento social!


O que é Telemedicina?

O atendimento medico realizado através de sistemas eletrônicos recebe o nome de Telemedicina. Para ser mais clara: existem diversas plataformas, equipamentos digitais e softwares, em que é possível realizar consultas com médicos das mais diferentes especialidades sem que seja necessário que paciente e médico se encontrem fisicamente. Em tempos de pandemia, como a atual, essa é uma alternativa que vem ganhando mais atenção e que está autorizada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).


A Telemedicina nos casos suspeitos de Covid-19

Como na Telemedicina não existe o contato físico entre paciente e médico, a prática vem sendo muito usada durante o combate ao novo coronavírus, fazendo com que pacientes com suspeita de contágio possam ter um teleatendimento, por exemplo, ou seja, não precisem ir até o hospital ou postos de assistência e acabar sobrecarregando-os.


É importante dizer, entretanto, que o diagnóstico do Covid-19 é feito somente através de exames, ok? Com a Telemedicina é possível tirar dúvidas e questionamentos dos pacientes sobre a doença, monitorar suspeitas e dar orientação para isolamento, além de ajudar no controle dos casos mais leves da doença, mas para o diagnóstico, como dissemos anteriormente, se faz necessário exames.


Vale destacar, também, que a Telemedicina não é restrita aos casos suspeitos do novo coronavírus, existem pessoas com outras doenças que não podem correr qualquer risco de interrupção do acompanhamento médico. Por isso, a Telemedicina também está sendo usada nas mais diferentes áreas da medicina, sendo possível, por exemplo, uma consulta com ginecologista para acompanhamento pré e pós-natal, ou então com psicólogos e terapeutas.


O envio de receitas na Telemedicina

Uma das principais dúvidas dos pacientes sobre a Telemedicina é em relação às receitas de medicamentos, que muita gente realmente precisa. Ao final da teleconsulta, o profissional pode emitir receitas e atestados utilizando um sistema de assinatura digital e enviar por e-mail ou então enviá-los por meio de algum sistema de entrega, como Correios, por exemplo. Portanto, é possível se adequar, temos certeza que o seu médico fará o possível para que a sua receita chegue até você de forma segura.


Profissionais que utilizam a Telemedicina e que eu indico?


Endocrinologistas

@solangetravassosdm

@dr.rodrigosiqueira

@medicafitdiabetica

@denisefrancoendo

@edson.perrotti

@levimar

@diabetestiponadaeimpossivel

@apbrilhante_

@marciokrakauer

@avianna10

@walterminicucci

@mauroscharf


Nutricionistas

@nutri.anacarolina

@noellydantas

@nutricamilafaria

@nutrimariadelourdes

@nutricaonodiabetes

@nutritipoum

@nutri.anapaulaporto

@nutrideisesantiago

@nutrimarthaamodio

@nutricionistajulianabaptista

@nutrinataliacarneiro

@mvelasconutri

@maenutribetica


Personal

@emersonbisan

@jonathannicolas_jn


Psicólogos

@psicologadiabetica

@nicosentino

@deboabetes

@psicologapatcarneiro

@psicologa_jessikavilanova

@psi.juliatipo1

@doce_psique

@ceciliadassi

@pamelastangarlinpsi


Algumas plataformas de Telemedicina:

1ª - https://doctorkonnect.com.br/

2ª - https://www.conexasaude.com.br/pacientes.html

3ª - https://www.doutoraovivo.com.br/

4ª - https://portaltelemedicina.com.br/

5ª - http://www.neurocol.com.br/telemedicina.html

6ª - https://www.telecardiologia.cardiol.br/

Gostou do nosso artigo? Quero te contar também sobre como lavar as mãos é importante antes de medir a glicemia! Vem entender!


0 visualização

Bia é Relações Públicas, estuda Biomedicina e convive com diabetes tipo 1 desde os 6 anos. Em 2015, criou o Biabética para incentivar pessoas com diabetes a verem a vida doce de forma mais leve e positiva.

Melhor blogue de diabetes tipo 1 2019
WhatsApp Image 2020-02-13 at 16.09.08.jp
winsocial_980x120_v02_bia (1).jpg

Quer receber novidades da Biabética?

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento.

Nosso conteúdo serve para seu conhecimento e informação. Em caso de dúvida, procure sempre um médico para orientação.
 

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram