f7afb2e656d376975aeaf25bb615335c03531317

Vacina e Diabetes: Entenda qual a importância da vacinação para quem tem diabetes




Sarampo, Gripe, Febre amarela... essas são apenas algumas das doenças que podem ser evitadas caso sejam tomadas as vacinas contra elas. É importante dizer, também, que a vacina deve ser compreendida não apenas como responsabilidade para com a sua saúde, mas também com a das pessoas a sua volta.


Uma frase conhecida em relação às vacinas e que pode nos ajudar a entender melhor a importância delas é a seguinte: “Vacinação é um pacto coletivo para a erradicação de doenças”. Sendo assim, não se trata de escolha individual, como tomar remédio ou não, comer ou não, pois quando você não toma uma vacina, não é somente sobre você, mas sobre o outro.


Já em relação às vacinas e o diabetes, a vacinação contra diversas doenças, como sarampo, por exemplo, é super importante, pois os diabéticos podem sofrer complicações graves em decorrência de tais doenças e até mesmo pode ocorrer o descontrole da glicemia. Confira a seguir mais detalhes sobre vacinas e diabetes!


Diabéticos podem tomar vacina?

A resposta é sim. A vacinação em pacientes diabéticos é livre de riscos, desde que não haja nenhuma contraindicação, como alergia aos componentes da vacina, doença imunossupressora grave, glicemia muito descontrolada ou idade superior a 60 anos, por exemplo.


Em todos os casos e, embora as contraindicações sejam poucas, é recomendado que você sempre procure o aconselhamento do seu médico, pois realmente existem vacinas, como a da catapora, que não são indicadas para alguns grupos de indivíduos, como portadores de AIDS ou grávidas, e a do sarampo, que não é indicada para gestantes.

Não subestime a importância da vacinação, em pacientes diabéticos ou não, ela pode ser o diferencial para salvar vidas.


Quais cuidados devo tomar antes e depois de me vacinar?

O único cuidado que diabéticos devem ter antes e depois de se vacinar é manter a glicemia controlada. Fora isso, os cuidados são os mesmos que o de outros indivíduos, como evitar coçar o local onde foi aplicada a vacina, lavar o local apenas com água e sabão, mantê-lo seco, entre outros. Caso sejam observadas qualquer reação adversa diferente do que as indicadas pelo vacinador é necessário o retorno ao centro de saúde com a caderneta de vacinação.


Diabéticos: Vamos falar da importância de se vacinar?

A vacinação é de extrema importância para os diabéticos, pois como a condição crônica torna mais difícil o combate a infecções pelo sistema imunológico, o diabético possui maior risco de complicações graves em decorrência de uma doença.

Além disso, algumas doenças, como a gripe, podem aumentar de forma perigosa os níveis de glicose no sangue. Vale citar, ainda, que diabéticos tem taxas maiores do que o resto da população de hepatite B e tem risco maior de morte por pneumonia e meningite. Já percebeu a importância da vacinação para os diabéticos? Elas são uma das maneiras mais seguras de você se proteger contra doenças.


Campanha da vacina da gripe é antecipada devido ao Coronavírus

Neste ano, a campanha da vacina da gripe foi antecipada pelo governo devido à pandemia do coronavírus e vai acontecer a partir do dia 23 de março e não mais na segunda quinzena de abril. A medida é uma maneira de não apenas diminuir os casos de pessoas com gripe no próximo inverno, como também ajudar os profissionais de saúde a descartarem a gripe na triagem dos casos de coronavírus. Para completar, a vacina contra a gripe ajuda a proteger a população mais vulnerável, evitando que a gripe sobrecarregue o sistema respiratório, pois se sabe que o coronavírus tende a provocar complicações em quem está mais enfraquecido.


Quem deve tomar a vacina contra a gripe

- Idosos com mais de 60 anos;

- Adultos com 55 a 59 anos;

- Crianças de 6 meses a 6 anos incompletos (5 anos, 11 meses e 29 dias);

- Gestantes;

- Puérperas (mulheres que tiveram um filho nos últimos 45 dias);

- Trabalhadores da área de saúde;

- Professores de escolas públicas e privadas;

- Povos indígenas;

- Portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas;

- Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas;

- População privada de liberdade;

- Funcionários do sistema prisional;

- Profissionais de forças de segurança e salvamento (policiais e bombeiros, por exemplo).


Datas:

23 de março: idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde;

16 de abril: professores, doentes crônicos e profissionais das forças de segurança e salvamento

9 de maio: crianças, grávidas e demais públicos

Vacine-se e compartilhe o que você aprendeu com os seus amigos! Para ter acesso a mais conteúdos sobre diabetes, visite o canal do Biabética no Youtube!

0 visualização

Bia é Relações Públicas, estuda Biomedicina e convive com diabetes tipo 1 desde os 6 anos. Em 2015, criou o Biabética para incentivar pessoas com diabetes a verem a vida doce de forma mais leve e positiva.

Melhor blogue de diabetes tipo 1 2019
WhatsApp Image 2020-02-13 at 16.09.08.jp
winsocial_980x120_v02_bia (1).jpg

Quer receber novidades da Biabética?

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento.

Nosso conteúdo serve para seu conhecimento e informação. Em caso de dúvida, procure sempre um médico para orientação.
 

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram